ver outros destaques

Dicas para a limpeza do quarto do bebê

Com procedimentos simples é possível manter o quarto bebê sempre limpo.

A limpeza do quarto do bebê é essencial para evitar alergias e outros mal-estares. Mas, além da limpeza básica, outros cuidados devem ser tomados, principalmente em relação aos produtos químicos usados. As principais dicas são:

- Arejar o ambiente diariamente – é muito importante que o ambiente seja arejado todos os dias. Deixe janelas e cortinas abertas para que possa circular o ar evite a aglomeração de ácaros.

Se há problemas com mosquitos em sua região, instale mosquiteiros nas janelas, isso manterá o ambiente arejado e livre de mosquitos e outros insetos.

- Escolher produtos certos – evite produtos de limpeza com cheiro forte. O indicado é usar produtos neutros ou sem cheiro. Muitas vezes um pano limpo umedecido é suficiente para fazer a limpeza.

Enquanto estiver passando esses produtos químicos mantenha o ambiente arejado, pois isso vai fazer com que o cheiro desapareça mais rápido e diminuirá a inalação por quem estiver manuseando o produto.

- Aspirar o pó – passar o aspirador de pó não só no chão, mas em estofados, poltronas, almofadas, cortinas, inclusive no berço e, pelo menos uma vez na semana, no colchão também. Não é aconselhável passar vassoura no quarto do bebê, pois levanta a poeira.

Bebê passando o aspirador de pó no tapete - Szasz-Fabian Ilka Erika / ShutterStock

- Trocar a roupa de cama semanalmente – além dos lençóis e fronhas, lembre-se de lavar almofadas e colchas das camas com frequência.

Aproveite a troca da roupa de cama para virar o colchão. Faça isso toda semana. Sempre que virar o colchão passe um pano úmido em todo o colchão e se possível coloque-o para pegar sol. Caso não seja possível o sol, coloque-o de pé de tal maneira que circule ar em volta dele. Dessa forma o colchão estará sempre higienizado e irá durar por mais tempo.

- Lavar o chão ou passar pano após aspirar o pó – Poeira é muito ruim de ser limpa, por ser leve e se deslocar com muita facilidade. O recomendado é passar o aspirador de pó e logo após um pano úmido para não sobrar resquícios que possam fazer mal para o bebê.

Novamente evite utilizar produtos químicos, mas se você acha que só produtos químicos é que limpam, então faça isso com o ambiente arejado e sem a criança por perto.

- Evitar bichos de pelúcia no quarto – apesar de lindos e de dar um charme especial na decoração, os bichos de pelúcia costumam acumular muito pó. Hoje existem pelúcias antialérgicas e bonecos de pano que são mais indicados para bebês. Mesmo estes devem ser lavados regularmente.

- Tirar o bebê do quarto na hora da limpeza - um detalhe importante é que o bebê não deve estar no quarto quando o ambiente estiver sendo limpo. Eles costumam ser muito sensíveis em relação a alergias respiratórias.

- Produtos químicos - é comum as pessoas acharem que só produtos químicos é que limpam, mas não é bem assim. É possível limpar muitas partes da casa apenas com panos úmidos ou secos. Exemplos disso, são móveis e o chão da casa.

Mas se você não dispensa um produto químico, então preste atenção nas embalagens dos produtos que pretende utilizar, certamente você deve estar utilizando muito mais do que precisa. Normalmente os produtos devem ser diluídos em água e na maioria das vezes é só um "tampinha" mas aí você diz "tem que por bastante para ficar forte e limpar bem", mas saiba que na verdade você está jogando dinheiro fora.

Por exemplo, Água Sanitária

Para utilizar a água sanitária como desinfetante deve-se misturar 1 copo (200ml) de água sanitária com 5 litros de água. Misturar bem em um balde. Depois passe o pano nos pisos e azulejos e deixe agir por 15 minutos, em seguida enxague ou passe um pano com água para retirar o produto. Não é para secar e deixar para lá pois os resíduos poderão desencadear alguma reação alérgica.

boas compras

Cadastre-se no Guia do Bebê

para receber emails e usar aplicativos

clique aqui e cadastre-se